Pesquisar

Bebês e crianças no avião

A viagem de avião é contra-indicada em algumas situações.

publicidade

A viagem de avião pode ser interessante para a criança pela aventura de voar perto das nuvens, mas também pode ficar cansativa se for demorada. Dessa forma, evite os vôos com escala e conexão.

Antes de embarcar, se informe se a companhia aérea oferece comida especial para as crianças e cadeirinhas para bebês de colo. Cheque as opções de horários de vôo e, para viagens longas, prefira os vôos noturnos, onde as crianças conseguem dormir melhor.

Segundo o pediatra Dr. Edson Liberal, deve-se evitar viajar de avião com bebês recém-nascidos e nos primeiros meses de vida, pois a pressão pode causar dor de ouvido. A dica dele é "oferecer o peito para as crianças que mamam, e água para as que não mamam, na decolagem e aterrissagem, para diminuir a chance de sentir dor de ouvido".

Criança dentro da mala em formato de avião - ShutterStock

Para viajar de avião as crianças devem vestir roupas confortáveis. A temperatura dentro da aeronave é baixa, então, não esqueça de levar casacos. Os sapatos devem ser largos, já que os pés costumam inchar durante o voo.

Coloque na mala de mão os utensílios com as quais a criança não dispensa normalmente, como por exemplo, um brinquedo ou até mesmo chupeta e mamadeira se você a acostumou a utilizá-los. O importante é que esses objetos, principalemente os brinquedos, não façam barulho para não incomodar os outros passageiros. Uma muda de roupas na mala de mão também é uma boa idéia.

publicidade
publicidade