Óculos escuros

Invista em bons óculos de sol para seus filhos

Especialista faz um alerta para que os pais não caiam na tentação de comprar em bancas de camelôs.

"A diferença no preço você recupera na visão"

Modelos infantis de óculos de sol estão cada vez acessíveis e são uma boa pedida neste Natal, principalmente para quem gosta de dar presentes 'conscientes'. De acordo com o médico oftalmologista Renato Neves, diretor da Eye Care, "infelizmente, 90% dos brasileiros não se preocupam em proteger a visão de seus filhos. A maioria dos pais ainda não tem o hábito de proteger os olhos de suas crianças durante passeios em parques, praias e clubes - o que aumenta os riscos de sofrerem de catarata e degeneração macular quando adultas".

Nesta época de festas e férias, o risco de cair em tentação e comprar óculos de sol de vendedores ambulantes é muito grande. Aparentemente iguaizinhos aos modelos originais, os óculos "genéricos" são bem mais baratos, mas escondem o grande mal que podem causar à visão. "O desconhecimento sobre os riscos que os raios solares representam à saúde dos olhos é muito grande", diz Neves. O mais preocupante é a falta de critérios na utilização de óculos escuros.

"A moda, agora, são os óculos grandes e coloridos. Tanto em shopping centers quanto nas bancas de camelôs, as pessoas são tentadas a comprar óculos de todas as cores e tamanhos. Tem gente que compra um de cada cor, para combinar com a roupa. Se esses óculos oferecerem 100% de proteção contra os raios ultravioleta (UV), a saúde dos olhos estará garantida, independentemente da cor das lentes. Qualquer nível de proteção abaixo disso, de nada vai adiantar. Além de queimaduras de retina e córnea, a longo prazo essa pessoa poderá sofrer de catarata ou outra doença degenerativa da visão", explica o médico.

 

Pesquise aqui
Depoimento