Brotoejas

A brotoeja, chamada pelos médicos de Miliária, é uma erupção cutânea que afeta bebês e crianças pequenas. É causada pelo suor abundante que ocasiona em inflamação das glândulas sudoríparas. Devido a essa inflamação, o suor não chega à superfície da pele, ficando retido e causando irritação, freqüentemente com coceira.

A brotoeja é comum após a queimadura de sol, em um dia quente e úmido, com febre, ou como resultado de calor excessivo proveniente do excesso de roupas ou de um ambiente superaquecido.

A erupção cutânea é caracterizada por áreas vermelhas, com pequenas bolhas no centro. Essa erupção cutânea pode aparecer no rosto, pescoço, ombro, barriga ou peito. Pode coçar e pinicar.

Para tratar a brotoeja o melhor a fazer é aliviar o desconforto para o bebê, principalmente ao refrescar e secar a área afetada. Banhos, roupas frescas e a prevenção de condições que provavelmente causam suor são as principais recomendações para a criança com brotoeja.

Aplique um creme adequado na área afetada, receitado pelo médico, que ofereça algum alívio para a criança. Mas é importante ressaltar que apenas o creme não é suficiente para resolver o problema, é preciso trocar as roupas da criança e mudar seu ambiente.

Enquanto seu filho estiver com brotoeja, elimine doces e alimentos gordurosos, pois eles podem aumentar o calor interno e agravar a erupção cutânea.

Depois do banho, de preferência com água morna, seque a pele com tapinhas suaves e não com esfregões vigorosos. Não aplique qualquer loção ou pomada perfumada na pele. Esses produtos podem piorar a situação. Vista seu filho com roupas frescas, de fibra natural, e arejadas. Evite o excesso de roupa, principalmente em dias quentes.

Se seu filho for propenso à brotoeja, experimente mantê-lo o mais fresco possível, principalmente no verão. Sempre que possível, evite atividades que façam a criança suar.

Rafaela Rosas

Depoimento