Pesquisar

Atividades educativas a partir dos 3 anos de idade

A partir dos 3 anos de idade a criança começa a ter acelerada sua capacidade de aprendizado e é um bom momento para estímulos

publicidade

Mesmo que seu filho ainda não esteja na escolinha, ele já está pronto para adquirir conhecimentos. Aos três anos e pouco, eles adoram novidades, por isso, mesmo longe da escola, é possível ajudá-lo a aprender. Não que mais novo ele ainda não esteja pronto, mas é que a partir de agora o aprendizado se acelera e a criança se transforma em uma esponja para o conhecimento.

Seu filho, como muitos outros, deve ser fascinado por letras e números. Use o nome dele e aponte as letras, falando o nome de cada uma. Se ele quiser saber como fazer a letra, ensine-o. Por exemplo, inicie com A de André e vai gradualmente passando para outras sem pressa, ou com o M de mamãe. Se hoje ele aprendeu o M de mamãe e você não está conseguindo que ele aprenda o A que forma o “MA” de Mamãe, não tem problema, deixe para amanhã. Não force, a atividade deve ser uma brincadeira divertida enquanto ele achar divertido. Use como exemplos palavras que estão no cotidiano dele e de preferência palavras sobre coisas próximas dele, como “bola”, “boneca”, “carrinho”, etc. Existem livros e jogos que ensinam letras e números e são de grande utilidade para lhe orientar.

Criança sentado no planeta Terra visualizando diferentes cenas - Foto: Angela Waye/Shutterstock.com

Crianças são naturalmente curiosas, o que os tornam mini cientistas. Eles adoram experimentar e observar, então, proporcione várias oportunidades seguras para ele. Leve-o para observar animais e plantas, em aquários, parques e zoológicos. Ajude-o a plantar suas próprias sementes e incentive-o a acompanhar o cuidar e acompanhar o desenvolvimento da planta.

Faça projetos artísticos. Segurar o giz de cera, pintar e colar são ótimas oportunidades para desenvolver a coordenação motora. Aproveite a chance também para mostrar cores, formas e tamanhos. 

Ler com o seu filho é a melhor maneira de prepará-lo para a vida. Não é preciso ficar durante toda sessão de leitura ensinando as letras, basta que você conte a história e divirtam-se juntos. Ouvir novas palavras vai ajudá-lo a reconhecê-las impressas mais tarde e vê-las em livros incentivará o gosto pela leitura. Deixe-o interagir com você e interferir nas histórias também. Então, continue com os contos na hora de dormir e em qualquer outro horário disponível.

Mesmo que seu filho já frequente a escola, faça essas atividades em casa. Além de aproximá-los, ele verá que o aprendizado é divertido.

Não tente transformá-lo em um gênio, apenas proponha problemas e deixe-o solucionar no tempo dele. Se ele não se interessa por uma atividade, deixe-a de lado e proponha outra coisa.

Lembre-se, seu filho é uma criança e aprenderá melhor se tudo for divertido e prazeroso.

publicidade
publicidade