Pesquisar

Alimentação na praia

Evite comidas muito gordurosas e locais com higiene duvidosa

publicidade

Criança adora comer na praia. Eles querem tudo o que vêem pela frente. E embora não devam ficar sem comer, é importante que os pais fiquem atentos ao que a criança está ingerindo. Embaixo de um sol de 40 graus, não são todos os alimentos que caem bem.

"Ficar muitas horas sem comer não é bom. Portanto, mesmo que a criança esteja na praia e queira comer alguma coisa é melhor dar preferência a sucos naturais, ao milho, água de coco e sorvete de frutas, que são alimentos mais saudáveis e nutritivos", ensina a nutricionista Juliana Mauri.

Menino chupando sorvete

Alimentos como pastel, camarão e salgadinho devem ser evitados devido à quantidade de gorduras. "Cuidado com as barraquinhas em que se compra esses tipos de alimentos, pois muitas vezes não têm condição nenhuma de higiene para o preparo do alimento", alerta a especialista.

Além de evitar alimentos gordurosos e fritura nos dias muito quentes, os pais devem cortar do cardápio das crianças a maionese, que pode estragar com o calor causando diarréia e vômito nas crianças.

Se tiver condições, leve uma caixinha de isopor ou térmica com água e frutas como maçã, melancia, laranja (já descascada), uva e banana. Lave todas e coloque-as em saquinhos separados por tipo de fruta. Coloque gelo dentro caixa para manter a temperatura (você pode colocar água dentro de uma garrafa e deixar congelá-la ou até dentro de um saco plástico fechado, assim o gelo quando derreter não irá molhar a caixa). 

Criança comendo melancia

publicidade
publicidade